Skip to content

O Novo Sião

O objetivo final da Bíblia é para os judeus construírem o seu Templo de Salomão, que é a Ordem Mundial Judaica. A Bíblia é para criar a energia para manifestar a sua Pedra Fundamental. Os judeus declararam no seus Protocolos que este Messias é a pedra angular (fundamento) para toda a sua agenda. O Messias é o significado da pedra angular ou pedra fundamental:

Talmude judaico:
Simeon Haddarsen, fol. 56-D: “Quando o Messias vier, cada judeu terá 2800 escravos.”

Nota especial: 888 e 8 também se relacionam na Bíblia diretamente ao Nazareno, pois ele é o Messias ou a Pedra Fundamental, que é o nascimento e a conclusão da Ordem Mundial Judaica.

Messias (que significa Pedra Fundamental) representa o Templo de Salomão finalizado.

1 Pedro 2:6 (a mencionar Jesus, 2 + 6 = 8, como dito acima, o Nazareno como o Messias judeu que cria o Sião Global onde gentios são escravos).

“Eis que ponho em Sião a principal pedra angular, eleita e preciosa, E aquele que nele crê, não será envergonhado.”

(7 é um número do homem completo com poder espiritual e do Messias judeu, neste caso, ele vai voltar para o número 22 em Apocalipse e Salmos, os livros relacionados à Ordem Global Judaica).

7 Para vós, portanto, que credes é a honra; mas para aqueles que descreem, a pedra que os edificadores rejeitaram, Esta foi posta como a pedra angular

(8 é o número da criação desta Ordem Mundial Judaica, portanto, também a ruína dos que se opõem a ela).

8 e a “pedra que os fará tropeçarem e uma rocha que vai fazê-los cair.” Eles tropeçam por desobedecerem à palavra, pois é o seu destino.

(Nota o 9, número de finalidades e proclamação de Deus, julgamentos. Aqui vemos que os judeus são o povo escolhido a qual será dado o Messias e o Domínio Mundial, que está em toda a Bíblia e seu ponto, o núcleo da Bíblia, é a Torá judaica).
9 Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo todo seu para que proclameis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.

Esta é uma extensão de Salmo 89:19 (8 + 9 = 17 = 8, o Nazareno, e 1 + 9 = 10, o número da Ordem Mundial Judaica e o número da perfeição de seu “Deus”, quando eles governam. Como visto por este versículo é sobre o Messias judeu).

Salmo 89:19
Naquele tempo falaste em visão ao teu santo, e disseste: Coloquei a coroa num homem poderoso; exaltei um escolhido dentre o povo.

O cume no qual o Nazareno está é considerado:
A única parte restante do templo original construído por Salomão. O cume é o lugar onde a Pedra Angular é colocada. O Nazareno é, portanto, o Messias judeu por esta declaração na Bíblia.

O diálogo entre o Nazareno e o Diabo cristão está ligado a quem os rabinos afirmam ser a pessoa identificada por Deus no Salmo 91, não é outro senão o Messias. Vemos novamente que este é o Messias judeu e o que isso significa.

Salmos baseiam-se no Messias e no Governo Mundial.

Salmos é o 19º livro do Antigo Testamento. 1 + 9 = 10. O Salmo 91 também é igual a 10.

Salmos contém 150 capítulos, que se diminuem em 6, o número a que os judeus deseja nos atar, sendo que 73 dos salmos são dedicados ao rei Davi, que está ligado ao líder do mundo judaico, o Nazareno. 7 + 3 = 10, o número perfeito no judaísmo e se relaciona com o 613 (10), é igual ao governo do “Deus” que os judeus irão impor sobre os gentios com o sua lei teocrática. Isso é vital, pois a Torá e sua lei é a salvação (Governo Mundial) do seu Deus e da essência da sua Aliança que lhes dá essa promessa. Nós vemos que o Messias é, na verdade, o cumprimento desta lei teocrática tão importante:

Em Mateus 5:17-18, Jesus declara:
Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim destruir, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, de modo nenhum passará da lei um só “i” ou um só “til”, até que tudo seja cumprido.

(1 + 8 = 9, o número de finalizações e julgamento de deus, mais uma vez, a fundação subliminar para este Messias e seu Estado Escravista).

Revelações é o último livro da Bíblia e tem 22 capítulos, o número de Deus, o final do trabalho concluído, o acabamento da construção do Templo de Salomão. Daí o porquê do número da Pedra Angular, literalmente, o Messias. 12, que remete aos gentios sendo atados sem energia na alma e escravos para o Sião judaico e de seu Messias. Esta é a agenda completa deste livro neste versículo:

Apocalipse 22:12
Eis que cedo venho e está comigo a minha recompensa, para retribuir a cada um segundo a sua obra.

Daí o porquê do Nazareno proferir as sete últimas palavras de finalidade na cruz, que é a fase no início do Salmo 22. Salmos sendo o livro do geoverno judaico mundial.

No texto:

Apocalipse Capítulo 17:1 a 20:15

Descreve a destruição da Gentile (nações pagãs) pelo Messias judeu.

A Nova Criação (21:1 a 22:5)

Apocalipse 12:1-6 descreve o Novo Israel, A Ordem Mundial Judaica, 12=conclusão. Este é o número 6 do homem aquém do poder espiritual e a ser um escravo de Sião. 12 sendo este dentro do contexto do Ordem Mundial Judaica total.

Apocalipse 12:5-6
E deu à luz um filho, um varão que há de reger todas as nações com vara de ferro; e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono.
E a mulher fugiu para o deserto, onde já tinha lugar preparado por Deus, para que ali fosse alimentada durante mil duzentos e sessenta dias.*

(12 e 66, o número, como afirmado, que é quando o Novo Israel e a Ordem Mundial Judaica é criada pelo Messias Nazareno. Há 66 livros na Bíblia que também se somam em 12).

Apocalipse 12:10
Então, ouvi uma grande voz no céu, que dizia: (Note como indicado, 10 o número de conclusão estando sob seu governo teocrático) “Agora é chegada a salvação, e o poder, e o reino do nosso Deus, e a autoridade do seu Cristo.”

Observe a vara de ferro que remete a Salmos, descreve o Messias e governo mundial judaico:

*(Salmo 2) Um Salmo para reis rebeldes (Sl 2:1-3). Deus responde vigorosamente (Sl 2:4-6). Um orador anuncia o decreto divino (na língua legal da época), fazendo do rei israelita representante terreno de Deus (Sl 2:7-9) e alertando os reis para o obedecer (Ps 2:10-11). O Salmo tem um significado messiânico para a Igreja; o Novo Testamento entende este como Cristo (Atos 4:25-27; 13:33; Hebreus 1:5).

O Messias é um tirano que governará somente por violência, assassinato e forçar, que é a natureza do povo e do deus judeu. Ele não deve tolerar liberdade (rebelião) de qualquer tipo. Todas as nações dos gentios serão escravizadas para ele.

Salmos, capítulo 2
9 Tu as quebrarás com vara de ferro e as despedaçarás como a um vaso de barro (Nota que 9 é o número de finalização e julgamento de Deus, o julgamento final. O Messias devasta e destrói pelo juízo sobre o mundo gentio).

(Note que 8 refere-se a ser feita a proposição e criação de uma Nova Ordem, ou um novo começo. O Messias judeu deve criar a ordem em que os judeus devem colher a gordura da terra gentia. O estado escravo da Ordem Mundial Judaica. Como afirmado, 8 na Bíblia refere-se ao Nazareno. O número 8, que vem depois do número 7 que significa integridade, simboliza um novo começo, ou uma nova ordem de coisas, uma nova criação, um novo nascimento).

Cristo foi escolhido como o Cordeiro Pascal no 10º dia do primeiro mês, um sábado semanal (João 12:28-29). Ele foi crucificado no dia 14 (7 + 7, ou dupla completude), que também foi o 4º dia da semana. Ele esteve no túmulo por exatamente 3 dias e 3 noites. Ele ressuscitou em direção ao final do próximo sábado semanal, dia 17 (o número de vitória). 17 também foi o oitavo dia, quando contado inclusive a partir do 10º dia, o dia da sua seleção. Assim, a confluência desses números mostra a vitória total de Jesus. A construção do Templo de Salomão, seu tempo na cruz relaciona-se com o Salmo 22. 10 refere-se a governar sob a lei teocrática judaica da qual Jesus afirma ser seu cumprimento.

Mateus 5:17-18
Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim destruir, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, de modo nenhum passará da lei um só “i” ou um só “til”, até que tudo seja cumprido.

Salmo 2:8
Pede-me, e te darei as nações como herança e os confins da terra como tua propriedade.

(Minha nota: 11 refere-se a destruição e caos, o Messias irá destruir e mergulhar as nações dos gentios na ruína se não se curvam como escravos diante de Sião e da raça judia.)

11-12 Adorem o Senhor com temor; exultem com tremor. Beijem o filho, para que ele não se ire e vocês não sejam destruídos de repente, pois num instante acende-se a sua ira. Como são felizes todos os que nele se refugiam!

Jesus é nada senão o Messias judeu:

Com Apocalipse sendo o fim da Bíblia e também seu livro número 66. 66 diminui-se 12, que relata aos gentios sendo atados sem energia na alma e escravos para o Sião judaico e seu Messias. É o número perfeito na Bíblia, porque expressa a sua intenção. Para escravizar os gentios como Goyium, literalmente animais de carga e escravos para a Ordem Mundial Judaica. Os Livros Sagrados dos judeus afirmam mais e mais que os gentios simplesmente existem para ser escravos do povo judeu e seu “Deus”. É por isso que 12 e 66 estão a ser indicados como o número relacionado com o Novo Israel.

Aqui é a realidade final direito da boca do próprio Messias judeu:

Mateus 15:22
Uma mulher cananeia, natural dali, veio a ele, gritando: “Senhor, Filho de Davi, tem misericórdia de mim! Minha filha está endemoninhada e está sofrendo muito”.
23 Mas Jesus não lhe respondeu palavra. Então seus discípulos se aproximaram dele e pediram: “Manda-a embora, pois vem gritando atrás de nós”. (Mandá-la embora, porque ela é uma Goya).
24 Ele (Jesus) respondeu: “Eu fui enviado apenas às ovelhas perdidas de Israel”.
25 A mulher veio, adorou-o de joelhos e disse: “Senhor, ajuda-me!” (Implorando como uma escrava).
26 Ele (Jesus) respondeu: “Não é certo tirar o pão dos filhos (de Israel e os judeus) e lançá-lo aos cachorrinhos”. (Jesus em verdadeiro estilo judaico chama-a de gentio e de animal, e também a todos os gentios. Ele não veio para os Goyim, os animais, só para o povo escolhido, seus semelhantes judeus.)

Muito Importante:
Mateus 15:27 Disse ela, porém: Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. (Nota aqui temos 1 + 5 = 6, O número 6 é estampado em tudo que está relacionado com trabalho humano. O homem sem poder espiritual no mundo antigo, chamado de animal, o Goyium. 2 + 7 = 9, finalidade e julgamento de Deus. O Gentio reduzido a um escravo a se curvar diante dos mestres, Deus e Messias judeus. A Ordem Mundial judaica).

Mateus 15:24
Ele (Jesus) respondeu: “Eu fui enviado apenas às ovelhas perdidas de Israel”.

Mateus 10:5-6
Jesus enviou os doze com as seguintes instruções: Não se dirijam aos gentios, nem entrem em cidade alguma dos samaritanos. Antes, dirijam-se às ovelhas perdidas de Israel.

Os cristãos são falsos judeus e não receberam a salvação do Messias:

Apocalipse 2:9-10
Conheço as suas aflições e a sua pobreza; mas você é rico! Conheço a blasfêmia dos que se dizem judeus mas não são, sendo antes sinagoga de Satan. “Estas são as palavras daquele que é o Primeiro e o Último, que morreu e tornou a viver. Não tenha medo do que você está prestes a sofrer. O Diabo lançará alguns de vocês na prisão para prová-los, e vocês sofrerão perseguição durante dez dias. Seja fiel até a morte, e eu lhe darei a coroa da vida.

(9 é o número de finalidade e 10 é o governo teocrático judaico sob seu Messias aqui é o ponto final. O Nazareno está se dirigindo aos judeus. Como ele afirmou que ele só vem para a raça judia, os gentios são simplesmente animais a serem escravos dos judeus. Com o número 10, vemos a verdade final que só os judeus têm salvação do Messias e Sião. Como a religião judaica afirma que Adão vem do sangue do Senhor, é por isso que ele é criado no dia 7, o número de conclusão. Eva teve relações sexuais com Satan e gerou Caim, que é reduzido a se distanciar de seu papel natural na terra de Nod, e se casou com *outros humanos* no dia 6. Os Goyium, ou animais, portanto, eles foram criados no 6º dia que é o número deles. Essa é a mensagem em Gênesis, é o verdadeiro pecado de Caim, seu nascimento.

Pelo facto de os gentios serem da linhagem de Satan, eles nunca poderão ter o Convento de Israel, assim, não têm direito a salvação da Torá que é apenas para a raça judia. Afirma-se na religião judaica que os gentios tenham alma e sangue satânionsigocos. A religião da qual o Nazareno afirmou ser seu cumprimento. É por isso que o Nazareno é chamado o segundo Adão.

Os judeus falsos, a sinagoga de Satan, são os gentios. Daí 9, a finalidade do julgamento do Messias-Deus sobre eles como falsos judeus. Cristãos (gentios) são os judeus falsos da qual acreditam ter direito à salvação judaica da Torá, que Jesus, no livro final da Bíblia, afirmou que nunca ter nada a ver consigo. Com o versículo seguinte de número 10, o número da Ordem Mundial Judaica. O Messias judeu diz aos judeus que triunfará no final e tem a promessa da salvação. A Ordem Mundial Judaica, o Templo finalizado.

Atenção a este verso:

João 4:22
Vós adorais o que não conheceis; nós sabemos o que nós adoramos, porque a salvação vem dos judeus.

22 é o número de salvação que é o Templo de Salomão, o Novo Sião, onde o Messias judeu governa com vara de ferro e pisa nos gentios sob os seus pés como os escravos e servos.

Cristãos, vós literalmente adorais o que não sabeis, a tua própria condenação.

Simeon Haddarsen, fol. 56-D: “Quando o Messias vier, cada judeu terá 2800 escravos.”

“As nações se reunirão para homenagear o povo de Deus: todas as fortunas das nações passarão para o povo judeu, elas marcharão cativas atrás do povo judeu em cadeias e se prostrarão diante de nós, seus reis trarão seus filhos e suas princesas amamentarão os seus. Os judeus comandarão as nações, eles convocarão os povos que eles nem sequer sabem deles os odiarão. As riquezas do mar e das nações virão para os judeus por seu próprio direito. Todos os povos do Reino que não servirão Israel serão destruídos”
– Isidore Loeb (Le Littérature des Pauvres dans la Bíblia).

Artigos relacionados:
A Bíblia Sagrada: Um Livro de Feitiçaria Judaica

O Templo de Salomão

A Torá e Sacrifício de Sangue

A Missa Cristã e Como Ela se Conecta ao Assassinato Ritual Judaico


VOLTAR PARA SOL NEGRO 666

VOLTAR PARA TERCEIRO REICH E O CRISTIANISMO