Skip to content

A Nova Ordem Mundial e as Igrejas Cristãs

Muitas vezes ouvimos o falatório histérico de cristãos que afirmam que “Satan” está a por em prática uma “Nova Ordem Mundial”, onde os seres humanos estarão com código de barras como gado e perderem todos os seus direitos e liberdades. Esta NOM é dito ser um “Estado comunista mundial”. Cristianismo tem uma história de culpar o Diabo por tudo o que não concorda, ou na realidade, os seus próprios crimes contra a humanidade. Este artigo não é escrito para fazer quaisquer declarações políticas, apenas para por os indivíduos iludidos na linha. Com bastante pesquisa e bom senso simplesmente, Satan não tem nada a ver com isso. Isso é de inspiração judaico-cristã, a Igreja Católica, o Conselho Nacional e Mundial de Igrejas (dos quais a maioria das Igrejas protestantes pertencem e apoiam) estão trabalhando para isso, canalizando a maior parte de suas contribuições para isso por política, e estão no mais altos níveis de abuso de poder oculto para alcançar esses fins. Claro que, com as incessantes acusações mutantes, sempre vai-se ouvir muitas vezes de Cristãos iludido: “Oh, não! Esso NÃO É A MINHA igreja!”. Os protestantes condenam os católicos, ignorando completamente o fato de que suas seitas, em muitos aspectos fazem paralelo com o catolicismo e todas as seitas cristão teve suas origens na igreja cristão original, a Igreja Católica.

Para resumir, o satanismo não coloca restrições sobre as pessoas. Satan defende individualidade, liberdade e o progresso da espécie humana. Satan não representam o caos, como alguns acreditam. É preciso conhecê-lo para apreciar. Satan é muito consistente. Ele defende leberdade e rebelião, não uma NOM comunista onde judeus no comando escravisam as massas gentias que tornam-se apenas um número e o que chamam “seres humanos úteis”.

Citações do Talmude judaico:
Baba Necia 114, 6: “os judeus são seres humanos, porém as nações do mundo não são seres humanos, mas bestas apenas.”

Simeon Haddarsen, fol. 56-D: “Quando o Messias vier, todo judeu terá 2800 escravos.”

Nidrasch Talpioth, p. 225-G: “Jeová criou o não judeu em forma humana, de modo que o judeu não teria de ser servido por animais. O não judeu é, portanto, um animal em forma humana, e está condenado a servir o judeu dia e noite.”

Cristãos iludidos e outros facilmente culpam Satan e os “satanistas”, quando se trata de ser sujeito a marcação com “código de barras” como animais. Para começar, se alguém olhasse atentamente, pode-se ver que esses não são os ensinamentos de Satan, mas da Bíblia judaico-cristã, onde pessoas são referidas como “ovelhas”, o corpo é de propriedade de “deus”, a vida sexual, os desejos e luxúrias, com quem se está tendo relações sexuais e tantas outras coisas QUE SÃO INSIGNIFICANTES PARA O AVANÇO ESPIRITUAL são tratados como questões importantes na Bíblia judaico-cristã.

Agora, que tal caos? Esta é outra táctica comunista e é muito flagrante aqui nos EUA, onde os judeus trabalham para instituir o comunismo por utilizar todos os meios, dentro ou fora dos tribunais para desmontar o sistema legal e estabelecer confusão na população. A “Bíblia Sagrada” é um dos textos mais confusos já escritos. A maioria das pessoas nem se deu o trabalho de lê-la e ainda assim se chamam “cristãos”. Olhe para as contradições infinitas e, claro, o ensinamentos do nazareno:

• Ele roubou (Lucas 19: 29-35, Lucas 6:1-5),
• Ele mentiu (Mateus 5:17, 16: 28, Apocalipse 3:11)
• Ele defendeu homicídio (Lucas 19:27)
• Ele praticou crueldade contra os animais (Mateus 8:30-32)
• Ele exigiu que um de seus discípulos desonrasse seus pais e familiares (Lucas 9:59-62)

Estas são apenas uma pequena amostra dos mandamentos que ele não só deu mau exemplo por quebrá-los, mas ordenou que outros o fizessem também. Contradições como estas em ensinamentos religiosos prepararam o palco para a confusão e caos.

O número de seitas cristão que violentamente discordam e condenam as demais falam por si, para não mencionar todas as guerras que mudam a vida que são essenciais para esta NOM, quase todas foram incitadas pelo cristianismo e tinham a ver com essa religião. Perdoar o próximo eternas “setenta vezes”, como o nazareno ensinou e dar a outra face incentivam nada além de caos e crime. As pessoas são doutrinadas a serem prefeitos escravos e vítimas. Seus próprios corpos são de propriedade de algum estranho que decide seus pensamentos mais profundos, desejos e sexualidade. Quanto à ideia de pessoas sendo marcadas com código de barras, ISSO FOI DITO POR “JEOVÁ”, E NÃO SATAN!

Cristãos e outros são bem rápidos em trocar acusações – “Foram os católicos”, “Oh, não! Foram os protestantes!” Eles não podem compreender o que esse tipo de coisa é, e tem acontecido há séculos em suas próprias igrejas e é todo o tema da sua própria Bíblia. Eles têm contribuído para isso financeiramente, fisicamente e espiritualmente. SEJA UM ESCRAVO! É muito mais fácil para eles acusarem Satan do que perceberem que foram enganados por seu próprio “deus” e seu próprio ministério. Satan foi convenientemente usado tanto como uma distração como bode expiatório durante séculos pelas igrejas cristãs. Simplesmente ponha a culpa de tudo em Satan, pregue ao mundo que eles são “bons”, “humanitários” e acima de tudo, “deus”. Uma mentira repetida e executadas com frequéncia suficiente acabará por ser acreditada, não importa o quão ridículo seja.

Trilhões e trilhões de dólares foram canalizados para promover esta mentira publicamente, enquanto seus principais líderes religiosos clandestinamente trabalham para escravizar o mundo como eles fizeram no passado através de sua raiz, o Igreja Católica. Os protestantes não foram diferentes com os seus julgamentos assassinos das Bruxas de Salém e o comparecimento obrigatório às igrejas na América Colonial. LIBERDADE NÃO É EM QUALQUER FORMA COMPATÍVEL COM JUDEU-CRISTIANISMO!

Cristianismo não é espiritual em nenhum aspecto. Eles são na verdade, uma instituição política posando como uma frente religiosa/espiritual. Seguidores são enganados em viver para a própria morte, dando todo o conhecimento oculto e poder assim sendo indefesos e inofensivos contra aqueles que têm esse conhecimento, poder e sabedoria de como usá-lo. Eles são iludidos a pensar que seu “deus” vai punir essas pessoas quando o tempo chegar, eles foram preparados por gerações para serem escravos descerebrados e suas almas por gerações a rejeitar a verdadeira espiritualidade, atrofiaram em poder. O objectivo está quase cumprido e terá êxito se esses idiotas não acordarem.

Eu li que as igrejas de Billy Graham agora têm DVDs e sistemas de alto-falantes estéreos. O que isso tem a ver com espiritualidade? Sua frente de caridade cristã é uma piada. A maioria das doações, que totalizam a casa dos trilhões de dólares, são canalizados para o Conselho Mundial de Igrejas onde eles são usados politicamente, para o financiamento de guerras e outras actividades terroristas. Organizações seculares, tais como as agéncias de bem-estar do condado local são as que, na verdade, fazem o maior trabalho para os necessitados. Este sai dos bolsos dos contribuintes, e não das igrejas cristãs.

Os líderes de ambos o cristianismo e governos totalitários em si são extremamente materialistas.

Quando olhamos para a Igreja Católica, através dos séculos, vemos que como eles sugavam até a última gota de dinheiro de famílias atingidas pela pobreza, viúvas e até mesmo gerações de famílias que foram alvo da inquisição, a própria igreja foi acumulando e acumulando ouro, prata, conhecimentos valiosos, artefatos e pedras preciosas em quantidades intocadas.

Além de receber e recolher todo o ouro, prata e outros objetos de valor de que eram capazes de apreender, a Igreja Católica adquiriu grandes quantidades de bens imóveis, a maioria desses também foi conseguida através dos assassinatos em massa e extorsão realizadas pela Inquisição. A Igreja Católica de hoje é sem dúvida a instituição mais excepcionalmente rica da face da Terra. A quantidade de dinheiro, terra, tesouros, artefatos, e outras explorações materiais da Igreja Católica sozinha é além da imaginação.

Mesmo durante a Idade das Trevas, quando a pobreza era generalizada, principalmente por causa de cristianismo em si, encontramos estas catedrais enormes e fabulosamente ricas, construídas no meio da privação extrema da população, com altares e absides de ouro ornamentado com abóbadas, colunas e paredes decoradas. Basílicas, catedrais, abadias, baptistérios, mosteiros, conventos e igrejas magníficas foram construídas. Praticamente todos esses eram tão abastados e grandes em comparação com o ambiente pobre daqueles tempos, que suntuosamente destacaram-se como o principal repositório de toda riqueza material – ouro, prata e suntuosidade arquitetónica – tanto de sua época e como de sua localização geográfica.

A Igreja Católica durante a Idade das Trevas estabeleceu-se como a governadora incondicional sobre toda a Europa. A Igreja Católica tinha domínio completo sobre os reis e rainhas, militaria e governou pelo terror. Ninguém estava livre em qualquer aspecto. Conhecimento foi destruída e/ou removido da população, pois para criar um estado escravo perfeito, os escravos devem ser analfabetos e sem poder. Os assassinatos em massa cometidos por Josef Stalin, Mao Tse-Tung e outros ditadores totalitário foram repetições da inquisição cristã. Os nomes e os rostos mudam, mas ainda é a mesma agenda com as mesmas pessoas. Mao marchou sobre o Tibete, assassinando e torturando tibetanos nativos em massa. O exército chinês, sob as ordens de Mao, atravessou montanhas íngremes e terreno perigoso com o objectivo principal de destruir conhecimento antigo, independentemente do que os livros de história afirmem. O monastérios tibetanos, por causa das montanhas que cercam Himalaia, foram isolados do resto do mundo e como resultado foram capazes de manter o antigo conhecimento o controlo dos cristãos destrutivos. Qualquer pessoa que tenha qualquer conhecimento sério ou poder espiritual é uma ameaça para o Estado. Escravos não deve nem ter conhecimento nem ter acesso ao poder oculto. Conhecimento e poder são mantidos nas mãos de alguns controladores. Claro, os “Ministérios do Portão Oriental” de Billy Graham estavam autorizados a inundar a China com Bíblias, um projeto que chegou na casa dos milhões de dólares – todos os impostos isentos.

O conceito de dominação mundial por um seleto grupo que governa com mão de ferro e uso assassinato em massa e terror para atingir seus objectivos é explicitado através de toda a Bíblia judaico-cristão.

Conceitos: O estado possui e controla todos os bens. A lista abaixo contem paralelos e ensinamentos na Bíblia judaico-cristã:

• Teu corpo não é teu, ele é propriedade de “deus”.
• Não tenha impulsos sexuais, se o fizer, o dono de teu corpo fará o que lhe agradar com ele e o “lançará no inferno” (regra de terror): Mateus 5:27-30
• O “senhor” tem o controlo sobre todos os seus relacionamentos pessoais: Mateus 19:9
• Sem liberdade de expressão: Mateus 5:33-37; 12:36
• Deixe que o joguem na prisão: Mateus 5:25
• Não se defenda ou golpeie de volta, seja o escravo perfeito: Mateus 5:39-44; Lucas 6:27-30; 6:35 – Os mansos são os melhores escravos, “manso” significa “submisso”: Mateus 5:5
• Viva pela sua morte, não importa a vida que tu tens agora. Este é um clássico em como executar um estado escravo. Não vale a pena lutar pela vida: Mateus 5:12
• Destrua a unidade da família para criar o caos: Mateus 10:34-36 Lucas 12:51-53
• Deixe o caos reinar: Mateus 18:21-22
• Não possua qualquer propriedade: Mateus 19:21-24, Marcos 12:41-44, Lucas 6:20; 6:24, 6:29-30
• Abandone sua família: “Pai, mãe, irmãs e irmãos” – isso é o que um estado totalitário pede e recompensa crianças para que entreguem os seus pais a serem executados: Mateus 19:29
• Mais escravidão e servidão: Êxodo 21:07; Êxodo: 21: 20-21; Levítico: 25:44-46, Lucas 6: 40 – o estado é perfeito. Lucas 12: 47, Efésios: 6:05;
• Colossenses 3:22, 1 Timóteo: 6: 1; Tito 2: 9-10, 1 Pedro 2:18
• O nazareno, bem como os ensinamentos do Antigo Testamento, exigem obediéncia total e completa e reforçam este conceito através do medo e terror. Pregadores iludem suas congregações a acreditar que “Jesus te ama”. Eles gritam e clamam “fora de contexto”, mas eles são os únicos que perdem a mensagem inteira e estão “fora de contexto”.
• O nazareno nunca ensinou à humanidade qualquer coisa de independéncia ou avanço. Cristãos sussurram sobre como esta entidade curou os aflitos, mas ele nunca ensinou ninguém como curar-se ou mesmo a entender a natureza da doença. Ele cercou-se, principalmente, com os ignorantes e servis. A religião cristão dá ao retardado mental altíssima estima.

O verdadeiro mal é o mestre do engano e das mentiras: “ele engana as nações”. Pagar para a própria condenação é um tema comum aqui. Seu nome não é SATAN/LUCIFER, MAS IAVÉ/JEOVÁ!

Cristãos ter-se despojado de todo o poder e conhecimento oculto, têm financiado e trabalhado por tudo isso durante séculos e agora eles põe toda a culpa no Diabo. Eles Não podem ver que é isso é o seu próprio “deus” e o nazareno.

Conhecimento oculto pode ser usado por qualquer pessoa para qualquer finalidade.

Qualquer tolo pode ver facilmente que o exposto acima não é de Satan, nem tem nada a ver com ele e os ditos grupos “ocultos” estão infiltrados de cima a baixo pelos Jesuítas católicos e outros que desejam iludir aqueles que podem ser luciferianos ou pagãos e mantê-los sob seu controlo. Isto pode ser visto em seus símbolos ocultos judeu-cristãos, como nomes de “deus” Jeová/YHVH e de anjos.

É óbvio, além de tudo isso, a Igreja Católica ficou furiosa pela revelação dos escândalos de pedofilia. Essas acções foram planeaadas e deliberadas. O Papa e o alto escalão do clero agiram indignados e rancorosos quando expostos ao mundo. Eles não estavam nada arrependidos. Nós todos sabemos que o estupro infantil faz personalidades instáveis e isso é necessário para adicionar o caos para o cumprimento de seus objectivos. Pessoas iludidas que são espiritualmente e psicologicamente perdidas.

Referências:
Vatican Assassins : Wounded in the House of My Friends, The Diabolical History of the Society of Jesus Including: Its Second Thirty Years’ War (1914-1945), its Cold War (1945-1990), and Its Assassination of America’s First Roman Catholic President, por John Fitzgerald Kennedy (1963) de Eric Jon Phelps, 2001

The Secret History of the Jesuits, por Edmond Paris, traduzido do francês, 1975

An Atheist Speaks, por Madalyn Murray O’Hair, 1986

Billy Graham and His Friends pela Dra. Cathy Burns, 2001

Our Constitution, the Way It Was, pelo Dr. Madalyn O’Hair, edição revista, 1988

The Cross and the Sickle…Superchurch, por Billy James Hargis e Bill Sampson, 1982

The Book Your church Doesn’t Want You To Read, por Tom C. Leedom, editor 1993

VOLTAR PARA EXPONDO O CRISTIANISMO