Skip to content

Expondo a Identidade Cristã:
Outro Programa Judaico Para Gentios

Crentes na Identidade Cristã estão iludidos em achar que os judeus sejam de Satan. “Satan” significa “adversário/inimigo” em hebraico para aqueles que podem ler e falar esta linguagem. É verdade que os judeus são do mal, mas o mal não é “Satan”, mas “Iavé/Jeová. Eles enganaram a humanidade a adorar * o * “Deus”. As referências no Talmude ter sido erroneamente traduzido. Dado que a liderança da Igreja Católica é e sempre foi repleto de judeus, não é de admirar que o Talmude foi traduzido incorrectamente em muitas partes, especialmente aquelas que têm a ver com o nazareno e entidades afins. O motivo, acusar os judeus de serem de Satan, “assassinar Jesus” e serem o anticristo, serve a um propósito poderoso de enganar mais pessoas a confiar e acreditar que o cristianismo seja a verdade. O cristianismo é o peão judeu e protege este como uma a rainha no tabuleiro. Tal como acontece com o seu programa gémeo do comunismo, eles fingem ser contra tanto o cristianismo quanto ao comunismo, e mesmo serem perseguido por ambos.

As referências a “Jesus” no Talmude não são realmente “Jesus”. É muito óbvio sobre o que foi precisamente escrito. Os versos que “gentios” cagam “ante ao Deus deles” e “Jesus ferve em sémen no inferno”, as quais, na verdade, não existem quaisquer referências ao nazareno ou Jeová, mas ao verdadeiro Deus dos gentios conhecido como “Satan/Lúcifer” quem sofreu mais blasfémias, indignidades e desrespeito horrível de seu próprio povo nas mãos dos judeus. O problema com a maioria das pessoas é devido a uma falta de conhecimento. Poucos se preocupam em fazer a pesquisa necessária, aprender a ler o aleph-bet hebraico (que é realmente muito fácil), a fim de decifrar e entender certas palavras, e realmente *investigar* os programas de judeus.

O “Deus” judeu não é outro senão Iavé/Jeová. Jesus Cristo é fictício. SIM, fictício. Aqueles que puderam ter algumas experiências sobrenaturais estão, na realidade, lidar com o mal. Jesus Cristo tem sido usado por séculos como nada mais do que uma distração. Simplesmente não se afirma “eu estou salvo” e, em seguida, embarca em estagnação e autonegação de uma vida. Isto é o que os judeus querem. Eles querem que todos os gentios percam todo o seu poder espiritual de modo que este possa permanecer apenas nas mãos de poucos, os poucos que controlam o mundo por cima: os judeus. Na verdade, nós “salvamos” as nossas próprias almas através da meditação de poder. Não há nada de “espiritual”, nem nunca houve nada nem remotamente espiritual sobre o cristianismo. O programa cristão, de nenhuma forma é diferente de seu irmão gémeo comunismo, é e sempre foi totalmente material. É fácil enganar aqueles que nunca experimentaram a verdadeira espiritualidade, pois não sabem que este nível de consciéncia ao menos exista.

Este pode ser o artigo mais importante que tu vais ler, se tu realmente te preocupas com a vossa raça, nação e futuro. Sim, os judeus são malignos, não há dúvida, mas a questão é a IDENTIDADE do mal. Se olharmos para certas escrituras, ele pode ser facilmente identificado por suas obras. Há muito engano aqui, porque durante séculos, os gentios foram ensinados a apenas para “ter fé”, e a não pensar por si mesmos. Lembre-se, o verdadeiro mal é como o seu povo escolhido, o mestre do engano e da mentira, e se tiveres paciéncia de ler, vais aprender que os judeus têm enganado todas as nações para adorá-lo em suas igrejas e seu nome é não Satan, mas Iavé/Jeová.

Esse engano resultou em uma enorme oferta de energia psíquica, poder e riqueza que tem sido utilizado pelos adeptos judeus para destruir os gentios, ou seja, a Raça Branca que ficou no caminho de sua agenda para a escravização e dominação mundial.

Gentios são enganados quando aprendem o que o Talmude tem a dizer sobre os cristãos e Jesus Cristo. A verdade é que os judeus inventaram essa religião para escravizar os gentios. O cristianismo é uma preparação e um passo avante ao comunismo. TUDO no Antigo e Novo Testamento da Bíblia foi roubado e corrompido das religiões gentias pagãs anteriores a eles por centenas a milhares de anos. Se leres, eu PROVO isso.

É evidente que os israelitas não são da Raça Branca. O Antigo Testamento está repleto de assassinatos em massa, estupros e tortura dos povos gentios brancos e outros, sob a direcção de seu “Deus” alienígena extraterrestre, cujo nome é Iavé/Jeová, nas mãos dos israelitas, que são nada além de judeus. Isso inclui SACRIFÍCIO DE SANGUE HUMANO:

    • Deuteronómio 12:27
    • Juízes 11:34-40
    • II Samuel 21
    • Números 31:25

“The Handbook of Jewish Knowledge” por Nathan Ausubel ©1964, páginas 302-303 é bastante evidente em relação ao assunto (Juízes 11:34 – 40):

“Jefté, um dos juízes regentes após a conquista de Canaã, havia sacrificado sua única filha ao Deus de Israel, em uma celebração de uma vitória militar contra os Amonitas,

Samuel “o profeta” tinha cortado de uma maneira sacrificial do corpo de Agag diante de
Deus, Davi, o rei poeta sensível tinha entregado os sete filhos de Saul para os Gibeonitas
“para pendurá-los para Deus.”

Assassinato Ritual Judaico NÃO é feito em nome de Satan, mas de Jeová. Este é um exemplo da extensão da fraude e mentira dos judeus e seu deus maligno terem iludido a humanidade por séculos. O verdadeiro mal que engana todos os países tem o mundo inteiro a adora-lo em suas igrejas. Os judeus sabem disso. É por isso que eles têm trabalhado para se infiltrar em todas as sociedades ocultas proeminentes e injetá-los com seus nomes de “Jeová”, seus anjos, sua Cabala e seus ensinamentos, todos concebidos e modificados para os gentios. É tão óbvio que qualquer *organização*, movimento ou a sociedade que é contra os judeus ou está em desacordo com os seus interesses se mantém financeiramente prejudicada, atacada e pior. As Igrejas cristãs ao longo dos milénios sempre tiveram riqueza incrível.

Mesmo com o secularismo de hoje, supermercados, livrarias e outros estão repletos de literatura e Bíblias cristãs. Dado o controlo judeu dos media e da imprensa, isso não é por acaso. Quantas chances iguais o verdadeiro satanismo ou o Nacional-Socialismo receberam? Esses dois só são promovidos a partir de uma perspectiva do inimigo e com viés intenso. Apenas opiniões permitidas! Os judeus que têm uma média de QI de 135 e são o “povo do livro”, sabem como controlar ambos os lados opostos, direcionando cada um para a manifestação de sua agenda, controlando a partir de dentro.

Além disso, o judeu esperto manteve todo o conhecimento oculto para si mesmo, enquanto desarmou os povos gentios através do terror. A Inquisição foi responsável por milhões de mortes por assassinato em massa, e não é diferente dos métodos usados pelo sistema comunista judeu para destruir qualquer suspeita de oposição. A maioria das pessoas desconhece o verdadeiro significado do hexagrama, símbolo oculto de Israel, tem para a sua bandeira. É um símbolo de união; sinónimo de uma ordem mundial que pretendem executar e operar a partir do estado de Israel. Os judeus têm trabalhado durante séculos para manter esse conhecimento longe da população. Isto foi para garantir que o poder espiritual permaneceria nas mãos dos principais judeus, para que eles pudessem assumir o lugar de Deus. Eles usaram esse poder para promover seus objectivos de muitas maneiras diferentes, desde a obtenção vasta e inimaginável de riqueza material, até amaldiçoando seus inimigos. Quando se acredita em seu programa do cristianismo, está sob seu controlo psíquico e é aberto e sujeito às suas maldições e manipulação espiritual. Pelo facto do conhecimento oculto ter sido corrompido e retirado de circulação, os gentios que caem nesta armadilha estão completamente indefesos.

Os judeus se infiltraram em quase todas as sociedades ocultas e iludiram os povos gentios que são/eram membros da Maçonaria, da Golden Dawn e outras. Adolf Hitler era profundamente envolvido no ocultismo, seu professor, Dietrich Eckart, foi um membro da Ordem Branca de Thule, e era um satanista. Quando Hitler viu a extensão da infiltração judaica na maçonaria e em outras sociedades, ele as fez ilegal, pois elas eram uma ameaça de poder psíquico para o Terceiro Reich.

Voltando ao Antigo Testamento da Bíblia, demos uma olhada para o assassinato em massa e a tortura dos povos não judeus nas mãos dos israelitas. É tão óbvio, apenas por ler as escrituras, que eles são judeus:

Os egípcios brancos foram torturados e assassinados pelos judeus. A estória de Moisés com a “serpente” era na verdade sua coluna vertebral e a serpente kundalini. A espinha dorsal que a serpente Kundalini sobe, também é conhecida como “paus de fogo”.

Moisés assassina um egípcio depois de ter certeza que ninguém estava olhando: Êxodo 2:11-12

11 E aconteceu naqueles dias que, sendo Moisés já homem, saiu a seus irmãos, e atentou para as suas cargas; e viu que um egípcio feria a um hebreu, homem de seus irmãos.

12 E olhou a um e a outro lado e, vendo que não havia ninguém ali, matou ao egípcio, e escondeu-o na areia.

O Deus hebraico irá certificar-se de que o faraó egípcio branco não ouve a Moisés, para que ele possa matar egípcios com seus exércitos. Mais genocídio contra a Raça Branca: Êxodo 7:4

4 Faraó, pois, não vos ouvirá; e eu porei minha mão sobre o Egipto, e tirarei meus exércitos, meu povo, os filhos de Israel, da terra do Egipto, com grandes juízos.

Estes versos mostram claramente que o assassinato em massa de crianças gentias brancas inocentes pelo Deus hebraico foi premeditado. É muito óbvio que ele realmente seja um assassino e mentiroso desde o princípio.

Êxodo: 11:4-5

4 Disse mais Moisés: Assim o Senhor tem dito: À meia-noite eu sairei pelo meio do Egipto;

5 E todo o primogénito na terra do Egipto morrerá, desde o primogénito de Faraó, que haveria de assentar-se sobre o seu trono, até ao primogénito da serva que está detrás da mó, e todo o primogénito dos animais.

Êxodo 12:29-30
29 E aconteceu que à meia-noite o Senhor feriu todos os primogénitos na Terra do Egipto, desde o primogénito de Faraó, que se assentava em seu trono, até o primogénito do cativo que estava no cárcere, e todos os primogénitos do gado.

30 E Faraó levantou-se de noite, ele e todos os seus servos, e todos os egípcios, e houve um grande clamor no Egipto, porque não havia casa em que não houvesse um morto.

“Deus” matou crianças egípcias brancas para mostrar que ele coloca “uma diferença entre os egípcios e os israelitas” – Êxodo: 11:7

Depois “Deus” suficientemente endureceu o coração do faraó, ele mata todos os filhos primogénitos egípcios brancos. Quando terminou, “não havia uma casa onde não havia um morto”. Finalmente, após executa bebezinhos, então ele mata o gado primogénito também: Êxodo 12: 29

Após endurecer o coração de Faraó mais algumas vezes, “Deus” afoga o exército de Faraó no mar. Êxodo 14: 4-28

Os filisteus brancos:

    • O judeu Davi assassinou 200 gentios filisteus: 1 Samuel 18: 22-30

    • O judeu Davi assassina o gentio filisteu Golias: 1 Samuel 17

    • Filisteus derrotados pelos judeus: Ezequias: 2 Reis 18:08

    • O judeu Sansão, com a ajuda de “Deus”, se suicida e mata mais 3.000 homens e mulheres dos filisteus derrubando um teto. Juízes: 16:27-30

Os cananeus gentios: israelitas cobiçaram suas terras, assim como a Palestina moderna, assassinando e torturando em massa para roubá-los:

E o Senhor ouviu a voz de Israel, e lhe entregou os cananeus, e destruíram totalmente deles e de suas cidades. Este verso demonstra o poder da oração: “Se pedires a Deus, ele destruirá cidades inteiras para ti.” Números: 21:3

Outros povos gentios:

Sob a direcção de Deus, o exército de Moisés derrotou os midianitas. Eles mataram todos os homens adultos, mas levaram as mulheres e crianças cativas. Quando Moisés descobre que eles deixaram alguns vivos, ele com raiva diz: “Deixastes viver todas as mulheres?

Agora, pois, matai todo o homem entre as crianças, e matai toda a mulher que conheceu algum homem, deitando-se com ele. Porém, todas as meninas que não conheceram algum homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.” Então, eles voltaram e fizeram como Moisés (e presumivelmente Deus) instruíram, matando todos com excepção das meninas virgens: Números: (31:28-29) 31:1-54 28-29

Deus ordena que os israelitas “apagassem a memória de Amaleque de debaixo do céu”. Algumas centenas de anos mais tarde, Deus ordena que Saul matasse os amalequitas: “homem, mulher, criança ou bebê”. Deuteronómio: 25:19, 1 Samuel 15:2-3

    • Josué e seu exército, por instruções de Deus, o abate de “todos os habitantes de Ai”. 12.000 assassinados em massa: Josué: 8:22-26

    • Deus abate os amorreus e até mesmo os persegue “ao longo do caminho”, pois eles tentaram escapar. Então ele envia enormes pedras de granizo e mata ainda mais deles. Joshua: 10:10-11

    • Josué, ao comando de Deus, mata tudo e todos em Maqueda que ele pôde encontrar (incluindo bebês e crianças pequenas) – ou, como diz a Bíblia, ele “destruiu totalmente tudo o que respirava, como o Senhor ordenara”. Josué: 10:28-32

    • O povo de Gezer, todos assassinados. Josué: 10:33

    • O povo de Lachish, todos assassinados, ou “todos os que nela estavam”. Josué: 10:32

    • O povo de Eglom, os judeus mataram todos eles, completo genocídio: Josué 10:36-37

    • As cidades de Hebron e Debir sofreram o mesmo destino: Josué 10:38-39

    • Cades-Barnéia, Gaza, Goshen, todos atacados, assim como os árabes e palestinos hoje, e assassinados em massa: Josué 10:40-42

    • Deus “entrega” mais gente para as mãos de seu povo escolhido. “E mataram os moabitas… cerca de dez mil homens… e não escapou nenhum”. Juízes: 3:28-29

    • 42.000 Eframitas são assassinados em massa porque alguém pronunciou a palavra

“Shibboleth”. Juízes: 12:6. “Shibboleth” é a palavra chave utilizada por maçons hoje em dia. A Maçonaria, como tantas outras sociedades ocultas foram infiltradas pelos judeus, e estão na verdade mergulhadas nas tradições judaica e seus rituais são utilizados para reconstruir o “Templo de Salomão”, que é a Nova Ordem Mundial. O judeu Mayer Rothschild, infiltrou a maçonaria no século dezoito, e com o fundo oculto, introduziu o simbolismo hebraico.

Há muitos, muitos mais exemplos de assassinato em massa na Bíblia judaico-cristã; assassinato em massa de povos GENTIOS. A mesma actitude não é diferente hoje em dia quanto aos palestinos que são demolidos em suas casas, bombardeados e assassinados em campos, incluindo seus filhos, que tiveram sua carne queimada até o osso e foram literalmente cozidos vivos nas mãos dos israelitas.

Na verdade, os judeus riem da ignorância dos gentios que estão iludidos a celebrar a matança de seu próprio povo. Os Deuses pagãos (gentios) foram sistematicamente destruídos, seus sacerdotes e os povos assassinados em massa, seus templos e santuários destruídos e suas reputações caluniadas e arruinadas. Eles foram demonizados e rotulados como “malignos” pelos judeus, que os substituíram por seu próprio deus. Um exemplo é o que foi feito de Adolf Hitler, que se opôs a eles – pense no que eles fizeram aos Deuses gentios.

Esta citação da Enciclopédia Católica é muito reveladora:

“Da mesma forma, os gregos e os romanos podem ter adorado suas divindades, carinhosamente acreditando que elas fossem boas. Mas a Bíblia cristã declara que todos os Deuses dos gentios são Demónios.”
Enciclopédia Católica: Devil Worship http://www.newadvent.org/cathen/04767a.htm
– OS DEMÓNIOS SÃO OS DEUSES DOS GENTIOS!

Na verdade, os judeus sabem que Jesus Cristo é fictício. Tudo na Bíblia judaico-cristã foi roubado (tipicamente judaico, pois eles não têm nenhuma cultura própria) de outras religiões antecipando-a. Por exemplo, “Abraham” é um anagrama de “Brahma” – Brahma em sânscrito significa muitos. Os judeus estiveram uma vez na Índia Antiga. Alguns gentios iludidos acreditam que Jesus era ariano. Isso não é o caso por nenhum trecho da imaginação! É evidente, com seus ensinamentos, que ele era um verdadeiro comunista e judeu. Suas semelhanças com o comportamento judeu são flagrantes, ele foi uma vítima profissional, todo mundo tem que se arrepender. Ele causou todos os tipos de guerras e outras tragédias, e como os judeus, que sempre aparece como um inocente. Ele foi circuncidado segundo a lei judaica no templo no 8º dia por um rabino e nomeado de acordo com a lei judaica naquele mesmo dia: Lucas 2:21-22. Seus pais judeus que podem ser delineados por toda a ancestralidade até o rei judeu Davi, celebraram a Páscoa judaica: Lucas 2:41. Gentios são iludidos por causa de um ou dois versos, a saber, João 8:44. É preciso olhar para toda a Bíblia e a mensagem nela. Essa mensagem é de comunismo, e a destruição e escravização dos povos pagãos do início ao fim. Alguns versos foram colocados na Bíblia que foram roubados de outras religiões e escritos. A Bíblia foi reescrita muitas e muitas vezes. O Concílio de Trento é um exemplo flagrante.

Os ensinamentos de Jesus nos preparam para a Nova Ordem Mundial Comunista, onde as pessoas estarão com código de barras, se elas não acordarem para a verdade:

    • Seu corpo não é seu próprio país, que é de propriedade da “deus”. (Com o comunismo, o corpo é propriedade do Estado)

    • Não ter impulsos sexuais, se o fizer, o dono de seu corpo vai fazer o que lhe agradar com ele e “lançá-lo no inferno” (regra de terror): Mateus 5:27-30

    • O senhor tem o controlo sobre todos os seus relacionamentos pessoais: Mateus 19:9

    • Sem liberdade de expressão: Mateus 5: 33-37; 12: 36

    • Deixe que o joguem na prisão: Mateus 5:25

    • Não se defenda ou revide, seja o escravo perfeito: Mateus 5:39-44; Lucas 6:27-30; 6:35

    • Os mansos são os melhores escravos, “manso” significa “submisso”: Mateus 5:5

    Viva pela sua morte, não importa a vida que tens agora. Este é um clássico em como executar um estado escravo. Não vale a pena lutar pela vida: Mateus 5:12
    • Destrua a unidade da família para criar o caos: Mateus 10:34-36 Lucas 12:51-53

    • Deixe o caos reinar: Mateus 18:21-22

    • Não possua qualquer propriedade: Mateus 19:21-24, Marcos 12:41-44, Lucas 6:20; 6:24, 6:29-30

    • Abandone sua família: “Pai, mãe, irmãs e irmãos” – isso é o que um estado totalitário pede e recompensa crianças para que entreguem os seus pais a serem executados: Mateus 19:29

Mais escravidão e servidão: Êxodo 21:07; Êxodo: 21: 20-21; Levítico: 25:44-46, Lucas 6: 40 – o estado é perfeito. Lucas 12: 47, Efésios: 6:05; Colossenses 3:22, 1 Timóteo: 6: 1; Tito 2: 9-10, 1 Pedro 2:18

• O nazareno, bem como os ensinamentos do Antigo Testamento, exigem obediéncia total e completa e reforçam este conceito através do medo e terror. Pregadores iludem suas congregações a acreditar que “Jesus te ama”. Eles gritam e clamam “fora de contexto”, mas eles são os únicos que perdem a mensagem inteira e estão “fora de contexto”.

• O nazareno, bem como os ensinamentos do Antigo Testamento, exigem obediéncia total e completa e reforçam este conceito através do medo e terror. Pregadores iludem suas congregações a acreditar que “Jesus te ama”. Eles gritam e clamam “fora de contexto”, mas eles são os únicos que perdem a mensagem inteira e estão “fora de contexto”.

Este não é um conceito novo que, na verdade, as igrejas cristãs não mudaram muito nos últimos 1500 anos.

Além disso:

    Ele roubou (Lucas 19: 29-35, Lucas 6: 1-5)
    Ele mentiu (Mateus 5:17, 16: 28, Apocalipse 3: 11) Ele defendeu o assassinato (Lucas 19: 27)
    Ele praticou crueldade contra os animais (Mateus 8:30-32)
    Ele exigiu que um de seus discípulos desonrasse seus pais e familiares (Lucas 9:59-62)

Isso prepara o palco para o caos. As numerosas contradições dividiram a Raça Branca e definir povo ariano em guerra uns contra os outros como eles tinham a intenção de fazer. Caos é necessário para a revolução comunista de sucesso. A mensagem subjacente de toda a Bíblia é um modelo para o comunismo. Vamos crime ficou tão fora de controlo que a população inocente e ignorante vai cair bem na armadilha judaica prontamente e de bom grado desistir de seus direitos civis em troca de leis ultrarrígidas. O judeu cria o problema e empurra a solução judaica para ele.

Os cristãos têm se despojado de todo o poder e conhecimento oculto, têm financiado e trabalhado por tudo isso durante séculos e agora eles põe toda a culpa no Diabo. Eles Não podem ver que é isso é o seu próprio “deus” e o nazareno fictício que serve como nada mais do que um sacrifício de sangue humano simulado. Os judeus usaram o poder oculto durante séculos para avançar em sua agenda. O gentio mediano é impotente contra magia negra porque foi iludido pelos judeus a acreditar que ele ou ela vai queimar no inferno se estudar o ocultismo.

Conhecimento oculto pode ser usado por qualquer pessoa para qualquer finalidade. O verdadeiro mal é o mestre do engano e das mentiras: “ele engana as nações”. Pagar para a própria condenação é um tema comum aqui. Seu nome não é SATAN/LUCIFER, MAS IAVÉ/JEOVÁ!

O que Adolf Hitler tinha a dizer sobre o cristianismo:

A afirmação é às vezes feita de que Hitler era cristão – um católico romano até o dia em que “morreu”. Na verdade, Hitler rejeitou o cristianismo.

O livro “Hitler’s Secret Conversations 1941-1944” publicado por Farrar, Straus e Young, Inc.; primeira edição, de 1953, contém a prova definitiva das opiniões reais de Hitler. O livro foi publicado na Grã-Bretanha sob o título “Hitler‟s Table Talk 1941-1944”, cujo título foi usado para a edição de bolso da Oxford University Press nos Estados Unidos.

Todas estas são citações de Adolf Hitler:

Noite de 11-12 julho de 1941:
“Nacional-Socialismo e religião não podem existir juntos… O mais pesado golpe que a humanidade já sofreu foi a vinda do Cristianismo. O bolchevismo é filho ilegítimo do cristianismo. Ambos são invenções dos judeus. A mentira deliberada em matéria de religião foi introduzida no mundo pelo cristianismo… Que não se diga que o cristianismo trouxe ao homem a vida da alma, pois a evolução está na ordem natural das coisas.”
(P 6 e 7)

10 outubro de 1941, ao meio-dia:
“O cristianismo é uma rebelião contra a lei natural, um protesto contra a natureza. Levado ao seu extremo lógico, o cristianismo significa o cultivo sistemático da falha humana.” (P 43)

14 de outubro de 1941, ao meio-dia:
“A melhor coisa é deixar o cristianismo morrer de morte natural… Quando a compreensão do universo tornar-se generalizada… A doutrina cristã vai ser condenada por absurdo… O cristianismo chegou ao pico do absurdo… E é por isso um dia sua estrutura entrará em colapso… A única maneira de se livrar do cristianismo é permitir que morra pouco a pouco… Cristianismo, o mentiroso… Vamos fazer com que as Igrejas não possam espalhar ensinamentos em conflito com os interesses do Estado.” (P 49-52)

19 de outubro de 1941, à noite:
“A razão pela qual o mundo antigo era tão puro, leve e sereno era que ele não sabia nada sobre os dois grandes flagelos: a varíola e o cristianismo.”

21 de outubro de 1941, ao meio-dia:
“Originalmente, o cristianismo era apenas uma encarnação do bolchevismo, o destruidor… A falsificação decisiva da doutrina de Jesus foi o trabalho de São Paulo. Entregou-se a este trabalho… para fins de exploração pessoal… Será que o mundo não viu que foi levado direto para a Idade Média, o mesmo sistema antigo de mártires, torturas, vermes? De idade, foi em nome do cristianismo. Hoje, é em nome do bolchevismo. Ontem foi o instigador Saulo: o instigador de hoje, Mordecai. Saulo foi mudado para São Paulo, e Mordecai em Karl Marx. Ao Exterminar essa praga, fazemos para a humanidade um bem de que nossos soldados não fazem ideia.” (P 63-65)

13 dezembro de 1941, à meia-noite:
“O Cristianismo é uma invenção de cérebros doentios: ninguém podia imaginar nada mais sem sentido, nem qualquer forma mais indecente de transformar a ideia de Divindade em uma paródia… Quando tudo for dito, não temos nenhuma razão para desejar que os italianos e espanhóis devam libertar-se da droga do cristianismo. Seremos as únicas pessoas que estão imunizadas contra a doença.” (P 118 e 119)

14 de dezembro de 1941, ao meio-dia:
“Kerrl, queria tentar uma síntese entre o Nacional-Socialismo e Cristianismo. Eu não acredito que tal coisa seja possível, e eu vejo o obstáculo no próprio cristianismo… O cristianismo puro – o cristianismo das catacumbas – preocupa-se com a doutrina cristã traduzir-se em factos. Isso leva simplesmente à aniquilação da humanidade. É apenas o bolchevismo de todo o coração, com um ouropel de metafísica.” (P 119 e 120)

9 de abril de 1942, o jantar:
“Há algo muito insalubre sobre o cristianismo” (P 339)

27 de fevereiro de 1942, ao meio-dia:
“Seria sempre desagradável para mim, ir para a posteridade como um homem que fez concessões nesta área. Eu percebo que o homem, em sua imperfeição, pode cometer inúmeros erros, mas dedicar-me deliberadamente a erros, é algo que eu não posso fazer. Eu nunca chegarei pessoalmente a um acordo com a mentira cristã. Nossa época até os próximos 200 anos, certamente verá o fim da doença do cristianismo… Meu arrependimento terá sido de que eu não poderia ver.” (P 278)

Saiba a verdade: Visítio http://see_the_truth.webs.com “Expondo o Cristianismo” para a prova de como os judeus roubaram tudo, de outras religiões anteriores ao judeu-cristianismo por centenas a milhares de anos. Isso é muito típico, pois eles não podem e nem tem criado nada próprio.

Mais uma prova de que Jeová/Iavé é o verdadeiro mal está nos Grimórios de magia negra, escritos e promovidos pelos judeus, usados pelos rabinos ortodoxos e dados aos gentios para amaldiçoar, demonizar e blasfemar seus próprios Deuses em nome de Jeová. Iavé/Jeová é usado pelos judeus em trabalhos de magia negra. Aqueles que não estão familiarizados com o poder oculto, que é exactamente o que os judeus têm utilizado e o que eles querem manter longe da população de ignorante, estão totalmente à mercê deles. Os poderes da mente são usados na guerra espiritual e nenhuma quantidade de treinamento físico pode sequer chegar perto como uma ameaça. Os judeus devem ser derrotados no plano astral, assim como no mundo físico.

Ver também:
Crise de Identidade Cristã e o Povo Judeu

A Teologia da Substituição: O Fundamento Judaico da Farsa “Identidade Cristã”

A Judaicidade dos Ensinamentos Comunistas de Jesus


VOLTAR PARA SOL NEGRO 666